domingo, 8 de novembro de 2015

Rápidas...curtas...

EXPECTATIVA - Os comissionados, contratados e principalmente os secretários estão naquela pendura esperando a boa fé da senhora prefeita Luciana Oliveira(PMDB). sobre o pagamento dos seus vencimentos que já perduram trés meses, e nada;

CÓDIGO - Não será dessa vez que entrará em pauta.  A peça que é fundamental para arrecadação dos tributos. O código Tributário está caduco e inerte, mas o Projeto de Lei para adequação chegou em mal hora. O desgaste com a desconfiança fez os vereadores frearem a votação com medo da reação pública. Dinheiro pra que?

LAMENTÁVEL - A situação de Ailton Lopes(PV), que deverá pagar um alto preço  no processo quando foi vice prefeito ao lado de Gilson Professor, acabou sendo punido por atos administrativos que hoje refletem na sua situação politica. Semana passada foi a uma audiência tentando se defender, no entanto, os prazos e a falta de documentação da época lhe atrapalham. Ailton sempre zelou pelo seu nome e paga um preço por atos dos outros...não merece tamanha injustiça. Minha solidariedade!

PADROEIRA DE BARAÚNA - o nosso vigário paroquial, Pe José Milton, sempre dedicado lançou a programação da festa religiosa que começa dia 17 e seguirá até o dia 27 deste;

LOA - Lei Orçamentária Anual chega para ultima votação no plenário da Câmara. Muita grana na previsão do Executivo, são quase 50 milhões para 2016. É preciso que os edis atentem bem para a pegadinha que deixa a prefeita a vontade para usar e abusar desse montante, tanto nas rubricas como nos convênios específicos;

MANINHO E RUBERLANDIO - agoira são dos contras, e devem se comportarem com discurso novo. Ambos não estão nada satisfeitos com a gestão municipal. Na semana passada fizeram questão em afirmar que estão do lado do povo e não aceitam o decreto e nem tampouco endossam o código tributário;

PTN - Causa frisson dentro da base adjanista que implode na tentativa de se agarrar em um partido. No grupo desses aliados no watzap reclamam pelas indecisões. Se a maioria tivesse que ser candidatos a vereadores dependendo da lei eleitoral anterior estariam ferrados; Pleiteavam o PSC e não deu certo que deve ir para as mãos de Neguinho Birimba, já o PTN até aqui nada;

SEIS POR MEIA DUZIA - Na listagem do diário oficial a prefeitura destaca a exoneração de mais ou menos 40 abençoados, mas na contra mão nomeiam mais uns 39. De que adianta ensaiar a estória de contenção se os aliados por sua vez esbravejam contra e não querem seu pessoal fora dos quadros, nem que fiquem sem recebimento;

DIVANIZE - De agenda cheia e sempre na dianteira buscando cooptar mais amigos para o seu projeto que vem sendo endossado por seis agremiações. Em vantagem ela a cada dia reforça seu time e conversa com o grupo para consolidar o futuro de Baraúna;

PHABIANO SANTOS - Retorna seus serviços profissionais de marqueteiro e consultor politico por essas bandas. Já realizou seus préstimos por aqui em memoráveis campanhas, no entanto, espera realizar mais, desta feita para  vereadora Divanize que busca novos voos no ano que vem;

ALDIVON -  inquieto, porem atento aos acontecimentos futuros. Tem sido visto em várias localidades  nas  constantes visitas sondando o clima e o tempo que vem sendo preparado em 2016. O PR quer retomar seus espaços já;

EMAGLEYSON - Tem sido estimulado a mostrar sua pujança e o PTC que comanda deve atrair novas figuras que ensejam caminhar na politica local. Ele já foi candidato a vereador emergente da ala de Valdecir Junior. Como bom aluno e astuto,  acredita na força da da juventude e da mudança;


PMN - Com Tértulo Alves parte para a corrida apostando na constante atuação de vereador. Sua persistência em mostrar os desmandos e desvios de recursos o fazem acreditar que o eleitor nas eleições vindouras saberá escolher pela capacidade e atuação junto ao povo. No seu partido a conta de pré candidatos chega a mais de dez nomes dispostos para o embate que se avizinha.




Nenhum comentário:

Últimas postagens

 

Follow by Email