sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Sem quorum?

VEREADORES DEIXAM SESSÕES PARA DEPOIS DA ELEIÇÃO DA MESA
Joãozinho preferiu ficar no Turismo 

O que já se imaginava era que estava longe da bancada de vereadores aceitarem a imediata posse do suplente Adjano Bezerra (PMDB), na sessão de ontem. 
Os trabalhos deviam ter prosseguimento tendo em vista importantes matérias que tramitam naquela casa, mesmo assim, ficou para depois a votação da LOA e LDO.
Os vereadores só contam como trabalho uma sessão por semana, sem contar que há dois recessos que interrompem as discussões da pauta. 
Ontem, não teve quorum e as matérias orçamentarias só devem ser apreciadas em sessões extraordinárias e com esse fim. 
Como a próxima sessão caiu no dia 27, dia da padroeira do Município, a Câmara só terá de volta seus trabalhos no dia 11, quando tudo se encerra e com retorno lá para o dia 20 de fevereiro. 
No dia 04, é dia de sessão especial que trata da eleição da Mesa Diretora da Câmara e todos os vereadores devem está presentes para escolha do novo presidente que conduzirá a casa para o biênio: 2015/2016.
O vereador Adjano Bezerra que já é considerado titular deve participar como votante e não tm direito a disputa, haja vista, o afastamento do titular Joãozinho da aroeira(PMDB), que preferiu aceitar a Secretaria de Turismo e Lazer. 
Até quando ele permanecerá ninguém sabe. O certo e que Adjano Bezerra deve se manter antenado com os seus pares e infiltra-se na missão de eleger o vereador de sua bancada. 
Há uma certa inquietação da parte dos parlamentares com a chegada do novo inquilino, já que vem determinado a sacudir aquele poder. 
Adjano ainda anunciou nas redes sociais um Projeto de Lei de sua autoria para minimizar a problemática da energia de Baraúna. Se for nesse curto mandato, não terá chances, já que tudo só se normalizará em 2015.

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Posse

ADJANO DEVE ASSUMIR MANDATO DAQUI A POUCO 
Depois de algumas discórdias entre o presidente da Câmara e o suplente Adjano Bezerra, só agora deve reinar a paz pública no Poder Legislativo Municipal.
De acordo com Regimento Interno da casa não se faz necessário convocação do suplente e nem tampouco solenidade especial de posse, basta a Câmara ficar ciente de que esse ou aquele vereador assumiu pasta  e  ratificar sua nova investida em cargo em Comissão, o suplente  automaticamente assume ao cargo.
O que fez Adjano Bezerra de repente adentrar à Casa do Povo e deixar a principal pasta do Município que é a Finanças para assumir interinamente o mandato em sessões finais da casa. É muito simples, a situação anda meio que baquiada e tem sofrido com a massiva saraivada de criticas a gestão Municipal e a bancada não conseguiu se dar conta nem de se unir para que no dia 04, possa vencer e eleger o seu candidato a presidência do Poder Legislativo.
A oposição tem sido incisiva nos discursos e bate de ferente e a situação vive acoada. A chegada de Adjano reorganiza a base da prefeita que vem fragilizada...
Ele irá bater de frente com a oposição e garante ter argumentos de sobra.
Hoje quase nao acontecia a sessão e alguns rumores davam conta de que era para abortar a chegada do suplente, Daqui a diante só terão mais trés sessões, sendo uma especial opara a votação da Mesa Diretora. quando os parlamentares escolherão entre si, o presidente. 
Adjano quer direcionar os votos e coordenar a bancada que --e  formada por seis parlamentares. 

O que precisa ser visto

CÂMARA PARTE PARA SEGUNDO BIÊNIO E POUCO DISCUTIU BARAÚNA

A nova gestão da casa de Leis precisa ser amadurecida e se ver voltada para os interesses da coletividade, esquecer as picuinhas politicas e avançar pata o futuro. Um presidente da Câmara é fundamental, aliás, é um poder que pode!
Nesta Legislatura a produtividade se resumiu em simples Indicações que quase não serve de nada. Requerimentos que apesar de aprovados pelo plenário não se tem respostas e nem destino... Projetos de Leis que a risca são importantes, mas, que na prática viram Leis para não serem cumpridas. 
Nerivan construiu a sede do
 Legislativo

Do ponto de vista da gestão da casa, o Poder Legislativo pelo menos deve manter boa relação com os seus pares, respeitar suas discussões e fazer valer o direito que tem como representante único e legitimo do povo baraunense.  Em outra esfera administrativa  é preciso que a casa esteja arrumada e pronta com todas as ferramentas para o bom desempenho dos edis, no entanto,  se observarmos a fundo, desde a gestão de Nerivan Cláudio,  a casa teve um marco fundamental que foi a edificação da sede que serve de orgulho até hoje. 
Marquinhos  ampliou e dotou a Câmara de estrutura
Passaram muitos dirigentes: Ritinha, Adjano, Marquinhos, Adauto e por ultimo Tértulo Alves, e dentre estes destacamos alguns avanços fora sua ampliação, aparelhamento da casa com móveis, som, cadeiras, bancadas e manutenção da estrutura. Agora não se pode esquecer da ousadia de Marcos Giovanni, que apesar de seus deslizes na condução do  poder, ele se destacou com a construção da ala para abrigar os  gabinetes, aquisição de
uma moto e um carro tipo doblô que serve até hoje. Adauto Neto,  instalou cada sala e ainda dotou de equipamentos  para a  sua melhor funcionalidade. Criou o plano de cargos  da casa e lançou o concurso que parou no ar após sua saída.
O atual presidente Tértulo Alves deu um visual novo a casa e pecou apenas por não ter reformulado o Regimento da Casa e implementar algumas emendas na  Lei Orgânica que carece  de ajustes legais, o presidente teve maioria e mesmo assim, deixou passar por despercebido o seu poder de fogo. 
O concurso  Público da Câmara e o portal da transparência ficarão para o próximo mandato. 

UMA NOVA GESTÃO PRECISA CUIDAR MELHOR DA CASA E DO SEU POVO 
Muitos temas que poderiam ser debatidos estão a revelia e se quer são lembrados por este poder. Cabe uma maior reflexão da parte de quem quer se meter a ser presidente pontos comuns e elementares:  Publicação das Leis reforma regimental, unidade da base, respeito e atenção igual, evitar intromissão do Executivo, rigor e maior fiscalização do bem público, fazer valer cada Lei aprovada, exigir atenção as indicações, respostas aos requerimentos aprovados e ainda tornar uma agenda com a sociedade sobre as audiências Públicas com assuntos que estão no esquecimento e que precisam serem revitalizados: 
Segurança, Pública 
Tráfico de drogas 
Caos no Transito
Mobilidade Urbana
Código Tributário
 Plano de Saneamento Básico 
Meio Ambiente
Saúde Pública
 Vigilância Sanitária
E a questão dos Recursos Hídricos do Município

CAPACIDADE E DEDICAÇÃO COM RESPONSABILIDADE
Não basta ser amigo da prefeitura, nem fazer os gostos da prefeita, a Câmara precisa de impor respeito aos seus pares. Ela é autónoma e capaz de melhorar a vidas das pessoas e da cidade. Tudo é uma questão de preparo e coesão dos vereadores.
Não cabe a intromissão, investidas financeiras e deixar a casa do povo aleijada. Os vereadores devem e podem entre si, saber quem melhor lhe representa no cenário politico. 
A Câmara precisa dizer a que veio e o que quer... Um dirigente precisa de ter um perfil comprometido com a Lei e valorize as questões sociais e ofereça sua força na defesa de uma sociedade justa.
Nomes que despontam devem ser atrelados ao firme principio de trazer a tona a discussão de uma Baraúna igualitária, comprometida om os avanços e de olho nos desmandos que por ventura existam. Zelar e honrar quem os elegeu...
Ente os que desfilam omo eventuais candidatos é preciso pacimonia e que cada um faça uma reflexão justa. Se o vereador não tem condição de fazer por sua casa, ele jamais fará por casa  de miguem Tenho dito!

QUEM QUER SER E DESTACA SEUS NOMES?
Quatro vereadores concorrem à presidencia da Câmara


O vereador Maninho é tido como o mais preparado e o melhor nome da situação. Ele é do PMDB contabiliza um apoio de sua base, o vereador Ailton Lopes(PV). A tendencia de seu grupo quer o vereador do PDT, Deivid Simão e despreza os demais, sendo que a força do executivo tende a  elegê-lo facilmente. 
Tertinho se prende na confiança da bancada oposicionista que tem o privilegio de deter bons nomes, mas, falta afinação do bloco. O vereador Adauto Neto quer retomar o Poder dada sua capacidade e desejo de realizar o que não deu tempo. 
Assim, Tertinho e Robertão precisam desarmarem os espíritos e ai,  dar um passo certo para vitória, do contrário serão submetidos
mais uma vez a derrota ou apostarem num nome fora do bloco, nesse caso o vereador Maninho.

DIFERENCIAL DESTA ELEIÇÃO 
O que se visualiza nesta eleição da mesa diretora não é apenas o cargo de presidente, e sim, o que pode se desenhar a partir de 2015, em caso de uma reviravolta nas questões jurídicas que sustentam Luciana Oliveira por liminar.

Cada um desses postulantes estão atentos e apostam nessa possibilidade, e em sendo assim, o presidente da casa pode se tornar de novo o prefeito interino como foi o atual presidente.  




O destino de Baraúna poderá está nas mãos de um vereador e não somos nós que escolhemos esse vereador para cuidar do município. É preciso muita calma nessa hora...



quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Nomeação

JOÃOZINHO É NOVO TITULAR DA SECRETARIA DE TURISMO E LAZER

O vereador Joãozinho da aroeira é o novo titular da pasta de Turismo e Lazer da prefeitura de Baraúna. Sua nomeação foi feita ainda hoje, ele deixará a vereança para dar a vaga ao seu suplente, Adjano Bezerra(PMDB), 
A sua iniciativa se deu pelo convite e acordo com a prefeita Luciana Oliveira. 
A zona norte por enquanto perde um representante da  situação, mesmo assim, ele afirma que continuará servindo a sua comunidade.
Com a nova missiva e seu afastamento, a Câmara terá que naturalmente convocar Adjano para assumir a vaga e de cara participar das discussões que se encerram no dia 15,
Para o lugar de Adjano na prefeitura assume Izac Barboza Junior, Junior de Zefinha que será o secretário de Finanças. 

Rei do brega

MORRE EM FORTALEZA O CANTOR GENIVAL SANTOS 

Desde março que o cantor Genival Santos, vinha sofrendo com um câncer no pulmão, tinha 71 anos. E ontem, faleceu no hospital do coração em Fortaleza onde estava internado. 
Genival Santos era paraibano da cidade de Campina Grande,  gravou 28 discos e vendeu 5 milhões de cópias,  encantou com suas canções românticas. Foi sucesso e sendo considerado o rei do Brega, dada a sua popularidade. 
Sua musicas inesquiváveis  originais como, Eu te peguei no flagra, Eu não sou brinquedo não, Sendo assim, Se errar outra vez e tantos outros que irão ficar marcados nos corações apaixonados desse Brasil. 

Necessidade

UM JORNAL PARA CHEGAR AOS QUE NÃO DISPÕEM DA INTERNET
Edson Barbosa é estimulado a reeditar Jornal 
Aos poucos os jornais impressos vão dizimando e quase parte das editorias reduzem a tiragem de seus periódicos, mas aqui, vemos a necessidade de uma tiragem que precisa chegar aos que não dispõem da mídia virtual, ou mesmo que não tem tempo para furçar os informativos que chegam em blogs e sites na internet. 
Nossa visita diária através do blog "Baraúna em dia", chega em média a 1,000 por dia e as vezes até mais,   pela mídia social ela se expande ainda, no entanto, alguns ou muitos não conseguem saber dessa ou daquela noticia importante no seu dia a dia. 
Tenho particularmente um projeto de reeditar mais uma vez o nosso jornal, a Folha de Baraúna, que circulou em dez edições quinzenal. Pensamos  que  a partir de dezembro  a gente monte a ideia com a distribuição gratuita.
A sua confecção tem um custo que pode ser rateado pela parte comercial local, diferente de outrora, quando não tínhamos uma economia consolidada. 
Da  ultima vez que lançamos foi em meados de 2002, ou seja, há mais de uma década. 
O projeto da Folha vem de noticias da cidade, gerais, cultura e politica. A tiragem de mil exemplares a cada quinzena e em forma de tabloide com uma diagramação boa de se ler. Que assim possamos receber o apoio da sociedade e de seus segmentos na missão de bem informar e representar nossa voz em cada canto desse RN. 

Na bucha


SINDSERB CONSEGUE NA PRESSÃO RECUPERAR TODAS AS PERDAS OCASIONADAS POR GESTÕES QUE PASSARAM


Não tenham duvidas. Se o SINDSERB por muitos anos que contabilizava perdas e deixava as demais categorias em prejuízo, somente agora se levantou como gigante para recuperar todo tempo perdido ao longo dos anos. 
Assembleias, reuniões e constantes discussões deixaram a prefeitura desprovidas de argumentos e com certeza as vantagens vão  para o servidor.
Um apaziguador dessa questão sempre foi o secretário Marcos Antonio, que embora mantivesse alinhado com o sindicato, ele não deixava a frente sindical avançar pelas conquistas, freava e controlava como podia, e todos eram felizes e não sabiam.
Nesse governo por mais perdido que esteja e sem rumo, uma coisa o SINDSERb terá que pelo menos reconhecer,  que a prefeita Luciana foi boazinha ate de mais.
O PCS do Magistério só agora corrigido, me cansei de votar contra a imposição da época e ficava por isso, o SINDSERB até aceitava numa boa, E agora a justiça foi feita. 
Ontem, devia acontecer mais uma assembléia geral para contemplar  a Saúde e as demais categorias em prejuízo há décadas. Mas, o evento acabou pelo um telefonema da assessoria Jurídica  para um consenso.
Justiça seja feita, dos males o melhor já aconteceu nesse governo, a prefeitura tem sido uma mãe de verdade para toda categoria. Embora, os pobres que ele tanto prezou fique ainda no relento e os aliados em terceiro plano, no entanto, o nosso servidor nunca poderá esquecer que Luciana sim, foi a prefeita que mais ajudou o SINDSERB e os seus servidores. 

Freio de mão

TERTINHO QUER BARRAR POSSE DE ADJANO BEZERRA NA CÂMARA
Com posse prevista para a sessão de amanhã, o suplente Adjano Bezerra(PMDB), deve recorrer a ium mandato de segurança, tendo em vista que, o presidente da Câmara Tertulo Alves(PMN), ao que parece quer barrar sua ascenção ao cargo de vereador no lugar de Joãozinho(PMDB).
Este blog postou essa possibilidade devido as articulações que caminham em rumo da sucessão da direção do Legislativo. 
Tertinho não disse em que se baseia não aceitar sua posse amanhã. Com o mandato impetrado o caldo deve esquentar  mais ainda...
Parte dos vereadores temem o rebuliço que pode causar na casa, já que Adjano Bezerra, vem com todo gás para desbancar a frieza da casa. 
Ele tem argumentos para questionar a CEI e ainda pretende debater intensamente a posição dos que opõem seu nome. 
Seu pedido de desligamento da secretaria de Finanças já foi endereçado a prefeita e dentro do tempo hábil. 

Sem emendas

VEREADORES NÃO APRESENTARAM EMENDAS AOS PROJETOS ORÇAMENTÁRIOS DO MUNICÍPIO PARA 2015.

Houve um tempo em que a casa do povo tinha por obrigação discutir detalhadamente os projetos orçamentários do município, visando uma ampla analise e debater o orçamento real para cada setor. E chegava a ser uma peça muito mais que importante naquela casa de Leis. 
Como é comum chega uma cópia fiel de outros exercícios e por estratégia sempre em cima da hora, o vereador mal de deleita em apreciar e esmiunçar cada valor.
Até aqui, não tenho conhecimento de qualquer emenda, seja na LOA como na LDO, tudo vai passando livremente e sem observar as prioridades essenciais.
Lamentavelmente essa peça técnica requer ainda uma assessoria boa na Câmara e não há preocupação nesse sentido. 
Outros projetos adormecem nas gavetas e ninguém levanta a bandeira, como é o caso, Código Tributário, Plano de Mobilidade Urbana e ainda a postura Municipal. 
O Regimento da casa está caduco a Lei orgânica agoniza e os presidentes que passam pela Casa pouco dão ouvidos a essa discussão.
É preciso deixar de lado as picuinhas e começar acordar para um novo tempo, e Baraúna precisa dar um salto em várias questões e boa parte dos edis sabem disso. 



Impasse

VEREADOR  MANINHO TENTA GANHAR CONFIANÇA DA OPOSIÇÃO
Ciente de toda arrumação que se projeta para eleição da Câmara de Baraúna, mesmo assim, o vereador da base situacionista Maninho, precisa dá sinais de que pode quebrar as correntes e se tornar um independente na base do PMDB.
Em conversa com um dos vereadores da oposição  ele conta que até aqui não se viu um gesto concreto  que pudesse repassar segurança de que Maninho esteja disposto a ser oposição da prefeita Luciana. 
No episódio da criação de uma CEI o vereador ficou na retaguarda e isso parece para o edil é preocupante. "Não queremos que seja impregnado o radicalismo, mas não admitimos que a casa do povo seja um gabinete da prefeitura". Lembrou.
O grau de compromisso entre Ailton e Maninho está sacramentado e cabe a missão do super bombeiro Adjano Bezerra, tentar abrandar e desenrolar esse nó. Ailton Lopes(PV), pelo visto está longe de querer votar em Deivid Simão(PDT). 
Nessa costura ainda corre por fora uma segunda alternativa do poder Municipal apostar desta feita ou de novo na reeleição de Tertinho Alves(PMN), que aliás,  o jogo é bruto e toda montagem do governo não irá sobrar nada para quem um dia foi aliado, ele vem sendo montado por boa ou grande parte dos algozes da prefeita. 
Contudo, Maninho vem sinalizando sua disposição e acredita que possa contrariar a situação e abraçar os colegas da oposição numa corrente de compromisso. 

Últimas postagens

 

Follow by Email