segunda-feira, 21 de julho de 2014

Segurança

Justiça determina que Estado aumente efetivo da polícia em Baraúna
Falta de estrutura do siste de segurança do município contribui para aumento da violência 
O juiz de Direito da comarca de Baraúna, Cláudio Mendes Júnior, condenou o Estado do Rio Grande do Norte, em ação civil pública de autoria do Ministério Público Estadual, a implementar melhorias na infraestrutura do Pelotão da Polícia Militar daquele município.
Na sentença, o magistrado determina que o Estado deve “providenciar o aumento do efetivo da PM do município de Baraúna dos atuais 12 policiais para 42; fornecer materiais bélicos (armas e munições) e instrumentos necessários ao policiamento (algemas e rádio comunicador; fornecimento de viaturas em boas condições de uso, que possibilitem o patrulhamento das áreas rurais e estradas vicinais; e local adequado para abrigamento dos policiais militares, inserindo-se previsão para tanto no primeiro orçamento anual a ser efetivado após o trânsito em julgado da sentença.”
Na ação civil pública nº 0000798-142012.8.20.0161, o Ministério Público Estadual afirma que o sistema de segurança pública do Rio Grande do Norte, como um todo, “padece de uma terrível chaga que impede o seu eficaz funcionamento, destacando-se dentre os principais problemas do município, o reduzido quadro de policiais militares.”

Prudência

LUIZ quer aparecer perseguindo adversários

LUIZ MIRANDA É TAXADO DE PERSEGUIDOR NA SAÚDE
Toda vez que assumiu aquela importante pasta, o secretario Luiz Miranda, apesar de competente acaba entrando numa seara desnecessária. Sua mania de perseguição ultimamente é ´comentada aos quatro cantos do hospital e setores da saúde. 
Com ferro e fogo ele acaba jogando sua competência na lata do lixo por birra dessa politica temporária... Não é cabível nesse momento de bota fora querer aparecer ou tirar casquinhas das pessoas e profissionais que nada mais querem do que exercer seu papel. 
Luiz Miranda faz questão de aparecer perante seus algozes. Admirei até então, seu empenho e zelo pela profissão, mas não entendo a ira e o gosto de perseguir. 
As pessoas daquela unidade sabem bem dessa questão. Acredito que tá na hora minha gente de  dar um basta em gente que quer aproveitar da situação, chega  de futricagem com o serviço público. 
Que Tertinho não jogue por terra toda sua mania de bom samaritano se deixando levar por atitudes grosseiras de um sujeito que adora usar mão de ferro  nos funcionários que ele entende ser adversários...
Baraúna precisa dar um basta nesse tipo de comportamento tupiniquim. Chega!

Exonerações

TERTINHO RESOLVE EXONERAR TODO MUNDO
Com esse entra e sai de prefeitos seria mais cômodo zelar pela boa fé e poupar as pessoas desse chafurdo de portarias. Primeiro o óbvio era esperar os acontecimentos pelo menos uma semana, mas não, a sede é taão grande de domínio que acaba constrangendo as pessoas que nada tem a ver com isso tudo.
A decisão do prefeito interino em publicar exoneração sumária em pelo momento eleitoral foi impensada.
O primeiro escalão até que é normal, no entanto, inoportuna as exonerações e demissões em contratos. 
O bom senso devia prevalecer...

Novo diretório do PV

PARTIDO VERDE TEM NOVA COMPOSIÇÃO EM BARAÚNA
O diretório Municipal do Partido Verde, depois das eleições de 2012 só agora faz renovação de sua direção. O PV já está radicado no município há mais de dez anos e o seu atual  presidente sempre fez parte da sigla.
Hoje mantém um vereador e apontou vice prefeito no último pleito tendo boa atuação com seus onze candidatos na proporcional que somou mais de 2.000 votos. É uma sigla que se destaca pelas suas propostas e defesa do social.
Na nova composição o Partido Verde - PV destaca na publicação do TRE/RN a seguinte diretoria:

EDSON PEREIRA BARBOSA - Presidente
MARIA DAS GRAÇAS FERREIRA DA SILVA - 1º Vice presidente
CARMEN GEISA DE OLIVEIRA - 2º Vice presidente
JADSON HUENDEL DE ARAÚJO - Secretário de Formação
MARCOS FÁBIO DE OLIVEIRA PEREIRA - Secretário de Direitos Humanos e Diversidade
 MARIA DAS GRAÇAS LUZ BARBOSA - Secretaria da Mulher 
WALLYSON JUVENCIO RODRIGUES - Secretário de Mobilização
FRANCISCA ARIDÉIA DAS GRAÇAS VIEIRA - Secretaria de Comunicação
KALLIDJA RAPHAELLE LUZ BARBOSA - Secretária da Juventude verde
FRANCISCO XAVIER DA COSTA - Secretaria de Oganização 
JOSELIA DUNGA LUZ - Secretaria de Finanças 

domingo, 20 de julho de 2014

Panorama político


Prefeito de Grossos e lideranças locais vão apoiar Fafá Rosado e Dr Leonardo
A ex-prefeita de Mossoró, Fafá Rosado (PMDB), e deputado Leonardo Nogueira (DEM), seguem fortalecendo suas candidaturas à Câmara Federal e à Assembleia Legislativa, respectivamente. Na manhã deste sábado (19), eles se reuniram com o grupo de lideranças políticas, de Grossos, que vão apoiá-los na empreitada político-eleitoral 5 de outubro.

Apoiam Fafá e Leonardo, o prefeito de Grossos, Jose Maurício, o ex-prefeito João Dehon, vereadores e lideranças locais. “Tivemos uma boa conversa e recebemos o apoio dessas lideranças”, escreveu a ex-prefeita Fafá Rosado, em nota divulgada em página da internet.
 
Henrique tem apoio de 20 vereadores com atuação do Legislativo de Natal
Dos 29 vereadores da Câmara Municipal de Natal, o candidato Henrique Alves, do PMDB, tem o apoio de 20 deles. Robinson Faria, do PSD, é apoiado por quatro edis.

Robério Paulino (PSOL), 1 vereador; e Simone Dutra (PSTU), dois. Portanto, essa matemática política é amplamente favorável ao candidato peemedebista.
 
 
                                                


BETINHO É PRESTIGIADO 
Várias lideranças de 50 municípios da região Oeste Potiguar estiveram em Mossoró, sexta-feira (18), no encontro que o deputado Betinho Rosado (PP) promoveu no Hotel VillaOeste, para apresentar seus amigos, apoiadores e lideranças, aos candidatos Robinson Faria (PSD) e Fátima Bezerra (PT).

O parlamentar, que é candidato à reeleição, está exultante com a demonstração de força e boa repercussão do evento.
Na Coligação Liderados pelo Povo, ele é um dos principais apoios dos candidatos majoritários Robinson, ao Governo; Fátima, ao Senado – na região Oeste.

Ex-prefeito lança candidatura 

O ex-prefeito Manoel Cunha Neto (PHS), o “Souza”, de Areia Branca, lançará oficialmente hoje sua candidatura a deputado estadual. em Areia Branca, na Churrascaria Tropical, às 16h.

Criador da Associação dos Municípios da Costa Branca, ex-vereador, ex-vice-prefeito (duas vezes) e ex-prefeito areia-branquense (duas vezes), Souza aposta em sua identidade com a região como uma das referências de campanha.
Costa Branca
“A Costa Branca tem nome”, é o slogan do candidato. “Acho que é uma mensagem que sintetiza o que somos, nossa identificação com a região e nosso conhecimento dos seus problemas, com projetos e não apenas falação”, comenta ele.
Assegura que a expansão de sua campanha alcança cerca de 20 municípios, com apoios significativos. “Areia Branca não tem um representante de origem, na Assembleia Legislativa, há várias décadas. Nosso maior exemplo é Manoel Avelino e minha candidatura não é de uma banda de nossa cidade, mas de nossa cidade e região”, discursa.
O ex-prefeito compõe partido que faz parte da Coligação União pela Mudança, com cinco legendas: PHS, PV, PTN, PPS e PTB.
Essa coalizão apoia Henrique Alves (PMDB) ao Governo do Estado e Fátima Bezerra (PT) ao Senado.

Presidente

PV quer desenvolvimento sustentável e reforma política


Ex-deputado federal Eduardo Jorge é o candidato do Partido Verde (PV) para as eleições deste ano
Médico sanitarista, 64 anos, ele nasceu em Salvador e passou a infância e a juventude em João Pessoa. Foi um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores (PT) em 1980, do qual se desfiliou em 2003 quando entrou no PV. Foi deputado estadual de 1983 a 1986, deputado federal nas legislaturas de 1987 e 2003 e secretário municipal da Saúde e do Meio Ambiente de São Paulo.

O programa de governo do PV prevê reforma política com a diminuição do número de parlamentares em nível federal, o fim das verbas de gabinete e de frotas de carros oficiais. Também propõe a extinção do Senado e a redução de 25% em cada bancada dos estados na Câmara. O partido quer a redução do número de ministérios para 14 e a criação dos ministérios da Amazônia e dos Direitos Humanos, Gênero, Nações Indígenas e Reparação das Sequelas da Escravidão.

O PV defende a adoção do modelo parlamentarista de governo, das eleições distritais mistas (combinação de voto para candidatos do distrito e da legenda, com a elaboração de um quociente eleitoral) e do voto facultativo. Segundo o candidato, o partido quer mais participação estadual e municipal na administração pública, por meio do aumento dos repasses aos governos locais.

Quanto ao desenvolvimento sustentável, pauta tradicionalmente defendida pelos verdes, as propostas de governo incluem o fortalecimento das matrizes energéticas limpas, como a solar, a eólica e a biomassa, e a superação da pobreza por meio de políticas de sustentabilidade.

“O partido quer mostrar que o desenvolvimento sustentável é a nova forma de movimentar a economia e tem um porto seguro no PV. [O partido] quer que outros incorporem também esse importante conceito. Não há monopólio, porém, entendemos que os outros partidos são do século 20, preocupam-se com política, economia e um pouco com políticas sociais, mas não com os limites impostos pela natureza”, disse ele, quando registrou, no dia 3 de julho, sua candidatura no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Segundo o programa de governo, saúde, educação, economia de baixo carbono e políticas de combate ao aquecimento global terão prioridade na alocação de recursos. O partido também enfatiza a necessidade de ampliação dos direitos dos negros, dos índios e das pessoas com deficiência, e da liberdade de orientação sexual. “No caso da liberdade de orientação sexual, o PV apoia o direito ao casamento de pessoas do mesmo sexo, de adoção de crianças por casais do mesmo sexo e quer que haja a criminalização da homofobia como já acontece com o racismo”, informa o documento.

sábado, 19 de julho de 2014

Em alta

LUCIANA DEIXA PREFEITURA COM TUDO EM ORDEM E FUNCIONÁRIOS COM DINHEIRO NAS CONTAS
Temendo que a categoria pudesse sofrer retaliação por conta do entra e sai de prefeitos, a prefeita Luciana Oliveira(PMDB), foi categórica e deixou as finanças em ordem, licitações em andamento e todo o funcionalismo efetivo em dia, inclusive comissionados. 
Outro feito foi pagar nesses vinte poucos dias de segunda gestão, 50% do décimo terceiro salário do magistério. 
Por mais que critiquem sua gestão, ela em sua passagem rápida arregaçou as mangas e queria apresentar mais  serviços. Resolveu uma questão patente que era tirar da promessa a BIBS, que estava só na conversa. Pagou e assinou contrato do prédio, deixou uma viatura a disposição, coisa que não foi feita na gestão  anterior.


A BIBS - Base Integrada Baraúna mais Segura deve-se a prefeita e o resto é furada. 
Pavimentação de ruas, aquisição de ambulância com semi-UTI e recuperação de algumas estradas. E ainda deixou  a rede hospitalar abastecida com medicamentos e alimentação para creches e escolas.   Pouco tempo e muita ação. 
Na educação foram dados passos importantes e isso tudo graças ao empenho da equipe comandada por Denise Nascimento.  Entrega de livros didáticos e jornada com os professores.

Luciana se afastou e deve voltar por força da justiça e certamente poderá ser feito muito mais.... agora gente, tudo só depende da Lei.  O povo votou  elegeu um prefeito e se provou que ele agiu errado, tanto que não retornou.


A vez do povo se dar no segundo colocado, também escolhida pela população que foi Luciana, no entanto, o inconformismo a ambição causaram esse desajuste na máquina, e tai, o dilema vivido pelos baraunenses é a constante mudança de prefeito, inclusive tirando o direito do eleitor. Ninguem votou em Tertinho para prefeito, ele é vereador e é na Câmara que os seus eleitores o querem. E ponto final.

Resistencia

ZÉ BEZERRA É PRESSIONADO PARA NÃO VOTAR EM HENRIQUE
A calçada do bezerrão está em polvorosa com o quadro que se desenha na política estadual. Sob a justificativa de que o PMDB tem a frente no município Luciana, uma corrente do PSB, PROS e PR, base forte de Henrique faz charme para não votar no candidato a governador bacurau.
Zé Bezerra tem sangue verde, sempre se deu bem no PMDB, inclusive foi o partido que ele foi visto como líder, e agora uma frente que fim lhe queimar diante a cúpula estadual. 
O PSB é parte integrada nessa composição de partido, da mesma forma os demais, se alguém se diz filiado numa sigla e quer fugir para uma outra que não tem nada ver, isso chama-se INFIDELIDADE. 
Se eu particurlamente não quero apoiar um candidato do meu partido ou de uma frente que ele integra, eu devo deixá-lo. Tem que acabar com essa estória de se dar bem e na hora que o partido  precisa o sujeito vira as costas.
Aldivon, Zé Bezerra, Isoares, Arimatéia entre outros tem que engolir essa missiva, especialmente quem é detentor de mandato ou dorige uma agremiação.. Não tem boquinha não, são líderes e líderes traindo sua sigla merece punição.O candidato é HENRIQUE e pronto, desculpas nessa  hora se chama traição.  Esse modelo serve para o PV também, ou para qualquer outro que faz charme e deixa de lado sua origem.

Juntando pedaços

ALDIVON SE ESPERNEIA SOZINHO EM BUSCA DE APOIOS

O presidente do PR, Aldivon Nascimento, se ver em maus lençóis nessa campanha, não conseguiu um vereador ou amigo de sua base que pudesse o acompanhar na missão difícil de pedir votos sem a máquina administrativa. 
Vem revirando a região a procura de apiois sem sucesso. Ora, quando se manteve do poder ele se blindou, fechando as benesses para poucos e agora vem de bonzinho tentando cooptar justamente a quem deu as costas. 
Seu grupo o despreza e sua alternativa é correr atrás de outras figuras que ele pensa ter esquecido de seus atos. 
Apesar de líder republicano incorre da infidelidade e nem ele vota no PR, pois do jeito que se desenha, vota no PSB, optando por Sandra e Larissa. 
Quem te viu, quem te ver camarada.

quinta-feira, 17 de julho de 2014

A fala do Povo

"Alguém já parou para imaginar quantas pessoas foram exoneradas e nomeadas nesse período de entra e sai em Baraúna";

Zé Pedro - Maisa 

"O grande feito dessas administrações temporária foi fabricar portarias e dar trabalho a FEMURN"

Wanderlei Galdino - Morador do Cinderela.

"Quem mais ganha com toda celeuma jurídica de Baraúna são os advogados".

Antonio Rufino - Veneza

"Baraúna é como casa de mãe Joana todo mundo quer meter a colher e comer um pedaço". 

Anonimo do facebook



Últimas postagens

 

Follow by Email