sexta-feira, 30 de outubro de 2015

Dinheiro fácil

CÂMARA DE BARAÚNA QUER CRIAR VERBAS DE GABINETE
Presidente Deuvid Simão espera o OK dos colegas
Tudo indica que o Poder Legislativo é o único poder que não sofre os efeitos da crise que assola o pais e em Baraúna mais ainda, a crise administrativa e institucional que põe em xeque todos os que cercam o poder municipal desta amada urbe. 
o presidente da câmara, Deivid Simão (PDT),  espera o sinalizador e o aval de todos os edis que compõem aquela casa para instituir a verba de gabinete, ou seja, os vereadores terão uma grana a mais em suas mãos para usarem como quiserem. 
Se a coisa pode ser criada é porque o poder Legislativo está com os cofres sobrando grana. Não vejo o que passa na cabeça de alguns parlameno concordarem com tamanha astúcia num momento   desse. Se não bastasse o descrédito de toda classe política em virtude do caos instalado no município, e criar um subsidio nessa hira é afrontar a população e zombar da opinião pública.
Os vereadores regimentalmente só trabalham uma vez por semana e ganham a bagatela de 6 mil reais mensais com direito a um  assessor e cargos na casa(quando ligados a mesa diretora) e ainda podem ter mais uma verbinha  extra se assim quiserem.
Deivid Simão(PDT), vem peitando um a um, e esbarrou em apenas três vereadores que são terminantemente contra essa posição. 
Rumores dão conta que sendo decidido pela mesa cada vereador terá em média  R$1.500,00 a mais em suas contas para ajudas de custo e manutenção não sei de que. 
Não sei se pode se tornar verdade, mas só sei que poderá ser assim. 

Nenhum comentário:

Últimas postagens

 

Follow by Email