quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Caos

MÉDICOS SEM  VENCIMENTOS HÁ 54 DIAS
Os médicos lotados nos PSFs  de Baraúna estão sem receberem seus vencimentos há quase dois meses tentam dialogo com a prefeita Luciana Oliveira(PMDB), que se esquiva de garantir a quitação do débito.
Alegando dificuldades financeiras não quer se comprometer com data. De acordo com o secretário de Saúde Luiz Miranda a coisa tá preta de um jeito que ele admite pedir demissão  do cargo  já que não ver ´respectivas do governo em melhorar o funcionamento da saúde.  
Essa semana o vereador Tértulo Alves visitou in loco a unidade hospitalar e verificou a falta de lençóis e e prédios dos PSFs deteriorado. 
A saúde recebe verbas mensalmente e em dia para que o segmento não pare os serviços só que as verbas parecem  seguir outras finalidades. Os médicos tem até cinco dias após os trinta dias de trabalho para  receber, no entanto, isso não vem sendo cump´rido.
Com esse dilema perde a população que já qualquer momento haverá paralisação. 
De acordo com relato de um médico que vem tentando uma conversa com a prefeita o secretário foi enfático em afirmar que da parte da prefeita os que não quiserem trabalhar dessa forma podem pedir demissão. 
O fato chana atenção da vereadora Divanize Oliveira(PSD), que foi procurada por populares a fim de que se pronuncie sobre tamanho caos.
"Essa situação é lamentável e  um desrespeito com os baraunenses. A onde vamos parar com tantos descasos desse governo". Enfatiza a vereadora. 

Nenhum comentário:

Últimas postagens

 

Follow by Email