quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Aprovado

CÂMARA REALIZOU TRÊS SESSÕES PARA APROVAR SUPLEMENTAÇÃO

Na manhã de hoje, o plenário da Câmara foi palco de mais uma sessão de caráter extraordinário, quando foi convocada para apreciar e discutir o Projeto de Lei nº 018/2013 - Que dispõe sobre a Inclusão de Ações no PPA-2010/2013, LDO 2012 e LOA 2012 autorizando a Suplementação de verbas na ordem de R$ 11.120.000,00 (Onze Milhões e Cento e vinte mil reais). 
O prefeito recorre deste artificio tendo em vista que no ano passado o Projeto Orçamentário foi derrubado pela oposição quando foi contrária a pressa e a falta de discussão de tão importante matéria. É comum e quase sem jeito ocorrer esse tipo de manobra, onde o prefeito empurra de goela a dentro matérias importantes sem que os vereadores possam dissecar e discutir a miúde o projeto. 
E agora consegue sem esforços sua aprovação nessa ordem tendo em vista a sensibilidade da nova bancada que quer e defende o não emperramento da máquina administrativa. Em caso de discórdia a culpa é atribuída a casa do povo, é sempre assim, quando querem aprovar algo dito importante jogam na cara dos vereadores se não for aprovada a culpa é deles... Quando aprovadas jamais atribuem a importância aos parlamentares. É preciso que os vereadores não se deixem levar por esse tipo de chantagem, zelem pela boa discussão e respeito ao Legislativo. 
A LDO e a LOA de 2014 nem se quer chegou à Camara, embora os vereadores Ruberlandio e Flávio tenham feito questão em cobrar a celeridade das materias para dar tempo ampla apreciação. 
Em todo recanto desse pais um projeto dessa envergadura é discutido com a sociedade, orçamento participativo, oferecendo a todos o direito de opinar a onde gastar bem o dinheiro do povo. 
Contudo, que bom que esse primeiro momento possa ser refletido e o município não pague pela inoperancia, como foi a da gestão do prefeito anterior perdendo o orçamento.

Nenhum comentário:

Últimas postagens

 

Follow by Email