sábado, 14 de janeiro de 2012

Astúcia ou manobra?

Lívio Maia surpreso com a medida
EMPRESÁRIOS FICAM FORA DOS QUADROS DO DEM DE BARAÚNA
Nada satisfeitos, os empresários que aportaram nos quadros dos democratas para ajudar no fortalecimento da sigla em Baraúna. Lívio Maia e Edvaldo Filho ficaram surpresos com a não inclusão de seus nomes  na lista do TRE. 
 A indignação dos empresários se dá pela falta de atenção que o partido teve aos mesmos. Ambos se inscreveram dentro dos prazos, optando por esse novo domicilio tendo em vista a ligação a nível estadual com os Democratas. Tanto Lívio como Edvaldo estão com as fichas em mãos e abonadas pelo o dirigente local José de Araújo. 
O que não se sabe é o motivo real que levou Etero Dias filho do ex-prefeito a não incluí-los no sistema e na  web lista. Todos sabem que os empresários foram endossados a prestigiarem o DEM e ajudarem na condução de uma provável costura com vistas as próximas eleições. 
Lívio Maia é um experiente politico, ex-vice prefeito de Almino Afonso e optou por Baraúna para colaborar com a sigla. Dessa forma cremos que não foi uma boa recepção e  nem tampouco um bom negócio se aliar ao DEM local. Sem a filiação os dois empresários não podem participar do pleito. Pelo que colhemos Lívio Maia quer entender o porque dessa possível manobra para lhe deixar fora do processo sucessório.

Nenhum comentário:

Últimas postagens

 

Follow by Email